Obesidade: A mulher deve buscar ajuda profissional

Obesidade: A mulher deve buscar ajuda profissional
O Brasil possui hoje cerca de 65 milhões de pessoas com excesso de peso. Isso significa que o país pode ter uma futura geração predominantemente obesa. A mulher representa quase a metade dessa população.

Um dos fatores que contribuem para que a mulher se destaque nessa categoria é a mudança do papel que ela representa na sociedade moderna. Com sua entrada no mercado de trabalho e conquistando cada vez mais seu espaço profissional, a mulher está mais sujeita a vários fatores desencadeantes que o homem, devido às pressões sociais exercidas sobre ela.

A mulher acaba se sentindo culpada por não se dedicar totalmente à família e não cumprir todas "obrigações "para as quais foi educada como, ser boa esposa, boa mãe e dona de casa na íntegra como nas sociedades do passado onde, ela era considerada a "Rainha do lar". Isso cria conflito interior, começando então os distúrbios psicológicos afetando corpo e mente.

Cada dia com menos tempo de preparar uma refeição saudável para a família e si mesma, na correria do dia a dia fora de casa, acaba comendo em lanchonetes, restaurantes, substituindo o tradicional almoço por lanches rápidos com muita caloria e baixo teor nutritivo como, massas, doces, sanduíches e substituindo o suco natural ou água por sucos industrializados ou refrigerantes em excesso. São os maus hábitos alimentares que acabam por alterar o metabolismo.

Fatores genéticos da obesidade


A obesidade tem ligação direta também a fatores genéticos e alterações das glândulas endócrinas.

Outro fator que contribui para a obesidade é o sedentarismo provocado pela comodidade da tecnologia. Cada vez mais estamos nos movimentando menos, com botões à nossa disposição o tempo todo esperando para ser apertado e abrir isso, desligar aquilo, dali mesmo onde estamos sentadas.

A pressão psicológica diante da necessidade da conciliação entre vida pessoal e profissional gera muita tensão e angustia que pode nos presentear com impulsos de gula. Aí vem a necessidade de comer por compulsão. Com isso engordamos, nos sentimos rejeitadas e excluídas por estarmos fora dos padrões impostos pela sociedade.

Esses sentimentos nos levam a mais compulsões com necessidade de comer para nos livrar da ansiedade. Se você passa por tudo isso, está na hora de procurar ajuda médica antes que seja tarde.

A obesidade não interfere somente em fatores estéticos mas, principalmente na nossa saúde. Doenças Cardíacas e Diabetes tem mais chance de se desenvolverem em pessoas que estão acima do seu peso.

Em caso de compulsão, o primeiro passo a dar, é procurar ajuda psicológica.

O psicólogo avaliará e orientará de acordo com seu caso, pois as causas de obesidade são muitas e devem ser observadas com muito cuidado. E somente um especialista saberá fazer isso.

O tratamento, geralmente é feito em parceria com o psicólogo ou psiquiatra, educador físico nutricionista e endocrinologista.
Graça Campos
Links patrocinados
 
Veja também

Conheça os benefícios do Omega 3 para a mulher

Omega 3 é um tipo de gordura não produzida pelo organismo humano

O que as mulheres devem comer no verão

Como deve ser a alimentação ideal na temporada mais quente do ano.

A dieta do tipo sanguíneo

Como emagrecer de acordo com o seu tipo de sangue

Menopausa e alimentação: Qual é a ligação entre elas?

Alimentação balanceada na menopausa.

Comentários
 
Más Diario Femenino
 
SAÚDE

Ciclo menstrual irregular: fique atenta aos motivos

Causas da menstração irregular

 
DIETA

Chá branco ou verde? Qual o melhor dos dois chás para emagrecer

Há quem acha que o chá branco emagrece mais do que o chá verde

 
SAÚDE

Causas do corrimento vaginal

O corrimento vaginal é um dos mais comuns e mais irritantes problemas das mulheres

 
PSICOLOGIA

Abraço: Linguagem universal que faz bem a alma

Ainda não há palavra que defina exatamente a emoção de abraçar ou ser abraçada por quem queremos bem

 
PSICOLOGIA

Marketing pessoal: o segredo do sucesso profissional

Aprenda técnicas usadas pelas empresas para vender sua imagem e se destacar profissionalmente

 
 
Diario Feminino no mundo: Espanha França